Como Ganhar Dinheiro Sem Sair de Casa + 10 Vantagens

Diante da crise econômica e da diminuição de ofertas de trabalho, cresce o número de profissionais que optam por montar seu negócio na própria residência

Renda extra em casa

A crise econômica que o Brasil vem enfrentando desde meados de 2014 atingiu todos os setores e influenciou diretamente o mercado de trabalho.

De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio Contínua (Pnad Contínua), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em janeiro de 2016, a taxa de desemprego no trimestre encerrado em outubro de 2015 foi estimada em 9%, ficando acima da taxa do mesmo trimestre do ano anterior (6,6%) e superando, também, a do trimestre encerrado em julho de 2015 (8,6 %).

Até o momento, esta é a maior taxa histórica do indicador desde que ele foi iniciado, em 2012. Ainda segundo o levantamento, o número de pessoas desempregadas é de 9,1 milhões.

Outros dados desanimadores foram os divulgados, também em janeiro deste ano, pelo Ministério do Trabalho.

Conforme registro no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), 1,54 milhão de vagas com carteira assinadas foram fechadas no Brasil em 2015, sendo o pior resultado em 24 anos.

Seja seu Próprio Chefe

Trabalhar em casa pela Internet

Diante de um número tão elevado e crescente de demissões, além da redução das ofertas trabalho por tempo indeterminado, muitos profissionais vêm optando por trabalhar por conta própria.

Graças às novas tecnologias, as possibilidades de atuação em casa são inúmeras, garantindo renda suficiente para o profissional ter mais conforto e, consequentemente, qualidade de vida maior.

Segundo dados do Censo Demográfico, havia, em 2010, cerca de 20 milhões de pessoas trabalhando na própria residência, sendo 10,2 milhões homens e 9,8 milhões mulheres Já de acordo com a Pesquisa Mensal de Emprego (PME) do IBGE, o número de pessoas que trabalham por conta própria aumentou de 17,9%, em janeiro de 2013, para 19,8%, em novembro de 2015.

Desses 7,4% pagam atualmente a Previdência Social, enquanto 12,4% não contribuem. Para quem tem interesse nesse tipo de negócio, há duas possibilidades: ser autônomo (ou seja, microempreendedor informal) ou ter registro de Microempreendedor Individual (MEI).

O profissional autônomo não tem vínculo empregatício, já que sua relação com a empresa ou pessoa física se encerra assim que ele termina o projeto para o qual foi contratado.

Já o Microempreendedor Individual também presta serviços vínculo empregatício, entretanto, ao aderir a essa modalidade o profissional passa a ter CNPJ, o que permite que emita nota fiscal pelos trabalhos realizados.

Determine a Área de Atuação

Apesar de a economia do País estar em uma fase delicada, alguns especialistas consideram que o momento pode ser bom para apostar em um negócio que não necessite de alto investimento.

Então, pesquisamos 205 opções, nos mais variados ramos para você trabalhar por conta própria e garantir sua renda no fim do mês.

Se você pretende operar na mesma área em que atuava quando era empregado, tem inúmeras vantagens na hora de se estabelecer. Porém, se de seja mudar de segmento, esta é uma das decisões mais importantes e, talvez, difíceis.

Não faltam opções de negócios para trabalhar em casa. Entretanto, no momento de definir qual ramo seguir, é importante pensar nas suas habilidades e aptidões, bem como listar todas as suas experiências profissionais.

Também é essencial identificar o que gosta de fazer, já que um dos pontos a ser considerado no home office é trabalhar com algo que seja prazeroso.

Disciplina, planejamento, iniciativa organização, persistência e facilidade para trabalhar sozinho são requisitos básicos para quem deseja entrar nesse universo.

Outra questão que deve ser definida é a quantidade de horas disponíveis que você terá para desenvolver suas atividades, já que isso também influencia diretamente no tipo de trabalho e no faturamento mensal.

Após fazer a relação de todas as possíveis áreas de seu interesse, o ideal que você converse com especialistas que já trabalham por conta própria nos ramos escolhidos para buscar informações e conhecer todas as perspectivas de tais atividades.

Dessa forma, sua escolha se torna mais fácil e assertiva.

Quando definir o ramo, lembre-se que o primeiro passo é fazer um plano de negócio, independentemente do setor em que deseja se enveredar.

Caso você seja iniciante na área, sempre é válido fazer um curso de qualificação para se aprimorar e garantir um trabalho de qualidade.

10 Vantagens de Trabalhar em Casa

1 – Não pegar trânsito. Enfrentar transporte público e passar horas em congestionamentos deixam de fazer parte da rotina.

2 – Ter flexibilidade de horários. Você pode organizar seu expediente de acordo com as suas preferências e necessidades.

3 – Ser mais econômico. Diminuem os gastos com combustível transporte e alimentação.

4 – Estar em um ambiente confortável. Você pode moldar seu espaço da maneira que quiser tornando-o mais agradável.

5 – Alimentação mais saudável. Ao preparar sua comida, você pode optar por um cardápio mais benéfico para a saúde.

6 – Ter menos interrupções. O fato de não parar para conversar com colegas de trabalho torna o seu dia muito mais produtivo.

7 – Não enfrentar as adversidades do tempo. Nos dias de tempestades e alagamentos, você não precisa se preocupar em como chegar ao trabalho.

8 – Passar mais momentos ao lado da família. Esta, talvez seja uma das principais vantagens, principalmente para quem tem filhos.

9 – Poder se exercitar no horário que preferir.

10 – Ter possibilidade de peque- nas distrações. Ao estabelecer seus horários de trabalho, você pode reservar um dia para descansar ou fazer algum programa, como ir ao cinema à tarde. Isso ajuda a aliviar o estresse e melhora seu desempenho.

Conclusão

Esse artigo tem o objetivo te esclarecer algumas dúvidas e também te mostrar que existem vários possibilidades para você ganhar dinheiro sem sair de casa.

Faça Apenas o que precisa ser feito

Caso Você esteja procurando produtos para comprar no atacado e revender no varejo com até 300% de lucro, conheça o Guia de Atacado de produtos nacionais e Importados.

0 Comentários

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: